13/12/2018 13h53

Bancos lideram ranking de atendimentos no Procon-ES

Em 2018, as instituições bancárias lideraram o ranking de atendimentos no Procon-ES. No mesmo período de 2017, cartão de crédito era o assunto mais demandado. As principais demandas estão relacionadas a cobrança indevida, negociação de dívidas, cálculo de prestação e taxa de juros e descumprimento de contratos.

Até o momento, mais de 53 mil atendimentos foram realizados pelo Procon-ES. Desse total, quase 5 mil atendimentos estão relacionados aos assuntos bancários. Ocupa a primeira posição do ranking os bancos, seguido das financeiras, telefonia móvel, telefonia fixa e, em quinto lugar, aparecem as operadoras de cartões de crédito.

Os segmentos que lideraram os atendimentos foram, com 24.809 registros, os assuntos financeiros; seguido por serviços essenciais, com 10.958 queixas; produtos (6.428); serviços privados (4.297); saúde (813); habitação (211) e alimentos (140).

A diretora-presidente do Procon-ES, Denize Izaita Pinto, explicou que grande parte das demandas de bancos, operadoras de cartões e financeiras está relacionada a negociação de dívidas. “No ano de 2015, realizamos 4.722 atendimentos. Em 2018, já são 6.807”, disse.

Sensibilizado com a grave crise econômica que afetou o País em 2015, resultando em 63 milhões de pessoas inscritas no SPC e cerca de 700 mil somente no Espírito Santo, o Procon-ES iniciou o projeto de negociação de dívidas direta, sem intermediários ou escritórios, o que possibilitou levar alívio financeiro aos lares de muitas famílias.

“Ampliamos a capacidade de atendimento do setor de cálculo e negociação de dívidas e realizamos 13 mutirões, que resultaram em 48.928 atendimentos. O total das dívidas dos consumidores que participaram do mutirão foi superior a R$141 milhões. Desse total, foram negociados mais de R$ 40 milhões, com economia de mais de R$ 101 milhões, representando uma redução média de 69,42% no valor da dívida”, informou.

O consumidor poderá negociar dívidas e registrar suas reclamações, pessoalmente, na sede do Procon-ES, na Avenida Princesa Isabel, 599, Ed. Março, 9º andar, Centro, Vitória ou no Faça Fácil Cariacica, localizado na Rua Aloizio Santos, 500, Santo André, Cariacica. É preciso que o consumidor tenha disponível o RG (Carteira de Identidade), CPF e documentos que atestem a relação de consumo, como ordem de serviço, faturas, comprovante de pagamento, nota fiscal e contrato, entre outros.

 

 

Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação do Procon-ES

Amanda Ribeiro

Tel.: (27) 3132-1840

imprensa@procon.es.gov.br

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard